Pavigrés
O seu browser não suporta este website.
Your browser does not support this website.
Votre navigateur ne supporte pas ce site.
Su navegador no soporta este sitio web.
Ihr Browser unterstützt diese Website.
Ваш браузер не поддерживает этот сайт.

1. Por favor, actualize o seu browser ou instale um novo browser.
2. Actualize a página.

1. Please upgrade your browser or install a new browser.
2. Reload the page.

1. S'il vous plaît mettre à jour votre navigateur ou installer un nouveau navigateur.
2. Actualisez la page.

1. Por favor actualice su navegador o instalar un nuevo navegador.
2. Actualiza la página.

1. Bitte aktualisieren Sie Ihren Browser oder installieren Sie einen neuen Browser.
2. Aktualisieren Sie die Seite.

1. Пожалуйста, обновите ваш браузер или установить новый браузер.
2. Обновите страницу.

Pavigrés

Webmail
Newsletter

Por favor posicione o seu aparelho horizontalmente!

A produzir cerâmica

desde 1978.

A Pavigrés Cerâmicas SA é, hoje, a fusão de Pavigrés, Grespor e Cerev, fundadas respectivamente em 1978, 1988 e 1991.
Esta fusão teve lugar em 2004.
 
Continuamos a ser uma empresa totalmente privada, que dá trabalho a 600 colaboradores, conduzida hoje por uma segunda geração que procura adaptar a empresa às realidades do século XXI, ao mercado que temos pela frente, com suas dificuldades económicas por um lado e desafios tecnológicos, ambientais e normativos, por outro.
 
As políticas e decisões da empresa têm sempre presentes dois eixos muito determinantes: a nossa cultura que nos identifica, resultante dos princípios que sempre conduziram a empresa e das experiências que fomos vivendo desde 1978 e, por outro lado, o facto de sermos uma empresa que trabalha, desde sempre, para um mercado de exportação muito abrangente. A exportação, representando hoje uma média de 94% da nossa actividade, repartida por cerca de 85 mercados diferentes, obriga a Pavigrés a estar sempre atenta ao alargamento das suas gamas, consoante as necessidades e as solicitações dos seus clientes. Neste leque, dividimo-nos ainda entre o mercado de projectos, em que é sobretudo importante a nossa gama técnica e, dentro desta, o conceito Pavigrés 21 e o mercado da distribuição, em que as gamas residenciais e do porcelânico decorado são muito importantes.
 
Continuamos a produzir o mosaico porcelânico vidrado Pavigrés, que nos deu origem e o revestimento em monocozedura rápida, pasta branca Cerev, mas onde os maiores investimentos têm tido lugar e onde reside actualmente a nossa maior capacidade de produção é no porcelânico Grespor, técnico e decorado. Em porcelânico técnico continuamos com as gamas básicas Grespor, granitos, grão grosso, unicolores – estes em formatos que vão do pequeno 10x10cm ao 120x60cm e 90x90cm. No porcelânico técnico decorado, abrangemos hoje a maioria das técnicas, desde o duplo carregamento e toda a massa, às decorações com tecnologia digital, também estas até aos maiores formatos – 90x90cm e 120x60cm.
 
Os investimentos em curso, a nível produtivo, elevarão a nossa capacidade de produção de porcelânico em cerca de 1.000.000 m2/ ano até Janeiro de 2015. Nessa altura, a capacidade de produção instalada na empresa rondará os 8.000.000 m2 /ano.

Também a nível de acabamentos, os nossos investimentos em curso vão-nos levar, até fim de Maio de 2014, à duplicação das nossas capacidades de rectificação, polimento, lappato, amaciado, etc.
 
Dinâmica, Visão, Trabalho, Serviço e Qualidade, queremos que continuem a ser os lemas da Pavigrés Cerâmicas, SA.
 
José Diogo
Presidente do Conselho de Administração

Empresa 1 Empresa 2
Fechar